EE, AOR, PGWP… decifrando as siglas da imigração canadense

Quem quer morar no Canadá e começa a pesquisar sobre o assunto acaba se deparando com o que parece praticamente uma linguagem nova: AOR, EE, OWP, eTA… é tanta letrinha que a gente fica até zonzo!

Com o tempo a gente vai aprendendo o que cada uma significa e quais delas são mais importantes de prestar atenção. Pra ajudar quem tá entrando nesse processo, fiz aqui uma colinha para explicar cada sigla:


AOR Acknowledgement Of Receipt. Aviso que o IRCC dá pra informar ao aplicante que o escritório deles já recebeu seu pedido de visto e que vai começar a trabalhar nele. Não é nenhuma garantia que seu pedido vai ser aprovado, e sim que foi recebido para ser analisado. É comum começar a contar o tempo de processamento da sua application a partir do recebimento da AOR.

 

CECCanadian Experience Class. Programa de imigração que faz parte do sistema Express Entry e é voltado para pessoas com pelo menos 1 ano de experiência de trabalho qualificado no Canadá.

 

COPRConfirmation of Permanent Residence. Documento que a pessoa recebe quando o pedido de residência permanente é aprovado. Esse documento deverá ser levado junto com o aplicante para ser apresentado no landing.

 

EEExpress Entry. Sistema online do governo canadense para processar pedidos de residência permanente de trabalhadores qualificados.

 

eTAEletronic Travel Authorization. Autorização para entrar no Canadá que substitui o visto de turismo em alguns casos. Válido apenas para entrada por via aérea. Brasileiros têm direito ao eTA se cumprirem alguns requisitos: terem tido algum visto canadense nos últimos 10 anos, ou possuirem visto válido para os Estados Unidos.

 

FSWFederal Skilled Worker. Programa de imigração que faz parte do sistema Express Entry e é voltado para pessoas com pelo menos 1 ano de experiência de trabalho qualificado, independente do país.

 

ITAInvitation to Apply. Quando a pessoa cadastrada no Express Entry recebe um convite do governo canadense para aplicar para a residência permanente. Após esse convite, o aplicante deverá enviar toda a documentação necessária e aguardar o processamento. O ITA não é uma garantia que o aplicante irá receber a residência permanente.

 

OWPOpen Work Permit. Permissão de trabalho aberta. A pessoa portadora desse permit poderá trabalhar para qualquer empregador, em qualquer cargo ou área do país.

 

PGWPPost Graduate Work Permit. Permissão de trabalho específica para estudantes internacionais que acabaram de se graduar em uma instituição de ensino superior canadense. Com ele, a pessoa pode trabalhar em qualquer lugar do país e em qualquer emprego.

 

PRPermanent Residence (ou Resident). Residência permanente no Canadá. Com esse status, a pessoa possui quase todos os mesmos direitos do cidadão canadense, podendo entrar e sair do país portando apenas ele. O cartão de residência permanente no Canadá vale por 5 anos, podendo sempre ser renovado. No entanto, o residente precisa cumprir certos requisitos para manter o status permanente, como residir no país pelo menos 3 anos a cada 5.

 

SP Study Permit. Permissão de estudos no Canadá. Ele é ligado à instituição de ensino e curso que o aplicante pretende fazer, e terá duração de acordo com a ementa do curso.

 

VAC Visa Application Centre. Escritórios particulares que possuem acordos com o Governo Canadense para auxiliar no processamento de vistos. Os VACs estão localizados em várias cidades do mundo.


Ufa, esqueci de alguma? Se você notou que ficou faltando uma sigla, deixa pra mim nos comentários!